top of page

CEO da Biomovement participará de encontro de empresários em prol da universalização do saneamento


Promovido pelo Movimento +Água – uma das iniciativas que faz parte da Ambição 2030, liderada pelo Pacto Global da ONU no Brasil – o encontro reunirá lideranças empresariais brasileiras comprometidas com a causa


Com o objetivo de reunir as lideranças empresariais que reconhecem a urgência da necessidade de universalização do saneamento básico e segurança hídrica do Brasil para seu desenvolvimento socioeconômico, o Movimento +Água – uma das iniciativas que faz parte da Ambição 2030, liderada pelo Pacto Global da ONU no Brasil – realizará na próxima terça-feira, 18 de outubro, em São Paulo, um café da manhã com CEOs de companhias brasileiras.


A ideia é promover a discussão sobre as ações concretas que vem sendo tomadas e que ainda estão por vir, para que sejam alcançados os compromissos públicos assumidos pelo Movimento +Água, que tem a ambição de impactar a vida de mais de 100 milhões de pessoas.


Leandro Toledano CEO da Biomovement Ambiental, empresa que atua baseada nos pilares da tecnologia, da inovação e do desenvolvimento sustentável, estará presente no encontro, onde se discutirão questões como governança, indicadores e os desafios futuros.


“Nós da Biomovement Ambiental, que temos a missão de transformar a realidade das pessoas por meio de soluções disruptivas, inovadoras e sustentáveis, entendemos que esse tipo de ação é fundamental para a troca de experiências entre as empresas, não importando o seu porte, assim como para o estabelecimento de uma agenda conjunta em pros de um objetivo desafiador de propagar o saneamento básico, a saúde e a qualidade de vida à sociedade brasileira”, afirma Toledano.


Sobre o Movimento +Água


O Movimento +Água é uma iniciativa da Rede Brasil do Pacto Global para aceleração da universalização do saneamento e segurança hídrica do Brasil, com a meta de impactar a vida de mais de 100 milhões de pessoas.


O movimento ambiciona que 99% das pessoas tenham acesso à água potável segura até 2033; 90% de esgoto coletado e tratado até 2033 e 50% de reflorestamento das áreas críticas que auxiliam na produção natural de água até 2030.


Mais do que um posicionamento público, propõe uma jornada conjunta por maior controle, transparência e ações coletivas, defendendo a definição de metas como uma maneira poderosa de impulsionar as empresas com vantagem competitiva na transformação da sociedade para a universalização do saneamento e a segurança hídrica no país, avançando no ODS 6 – Água Potável e Saneamento.


Sobre o Pacto Global da ONU no Brasil


Lançado em 2000 pelo então secretário-geral das Nações Unidas, Kofi Annan, o Pacto Global é uma chamada para as empresas alinharem suas estratégias e operações a 10 princípios universais nas áreas de Direitos Humanos, Trabalho, Meio Ambiente e Anticorrupção e com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS). É hoje a maior iniciativa de sustentabilidade corporativa do mundo, com mais de 16 mil membros em quase 80 redes locais, que abrangem 160 países.


Criada em 2003, o Pacto Global da ONU no Brasil tem conquistado cada vez mais espaço e relevância dentro do setor empresarial brasileiro. É a terceira maior rede do mundo, com mais de 1,3 mil membros, e a que mais cresceu globalmente em 2021. Desde 2020 opera pelo Instituto Rede Brasil do Pacto Global, uma organização sem fins lucrativos independente, seguindo o mesmo modelo de diversas redes locais ao redor do globo.


Os projetos conduzidos pelo Pacto Global da ONU no Brasil são desenvolvidos dentro das seguintes Plataformas de Ação: Água e Saneamento, Agro Sustentável, Energia e Clima, Direitos Humanos e Trabalho, Anticorrupção, Engajamento e Comunicação. Atualmente estão em andamento mais de 30 iniciativas nestas plataformas, que contam com o envolvimento de centenas de empresas, assim como agências da ONU e agências governamentais.



Sobre a Biomovement Ambiental


Com atuação baseada nos pilares da tecnologia, da inovação e do desenvolvimento sustentável, a empresa, com sede em São Paulo, é a representante exclusiva das soluções israelenses HomeBiogas no Brasil. Entre elas está o biodigestor patenteado e presente em mais de 100 países, um sistema único de gestão dos resíduos sólidos orgânicos (fezes, restos de alimentos, cascas de ovos e de vegetais, entre outros), transformando-os em biogás – energia renovável -, que o sistema canaliza para o uso na cozinha, e em um biofertilizante líquido, natural e rico em matéria orgânica, que fortalece o solo.


Com isso, além de evitar que esses resíduos lotem aterros sanitários ou que sejam jogados em rios, córregos ou em outros locais podendo promover contaminações, são reduzidas as emissões de cerca de 6 toneladas de gases de efeito estufa por ano, sem falar na geração de economia. “Atuamos com soluções que atendam às metas dos ODS da ONU e que, comprovadamente, promovam o desenvolvimento sustentável na vida do cidadão brasileiro”, completa Leandro Toledano.


Para saber mais, acesse: www.homebiogas.com.br


Comments


bottom of page